DICAS DE COMO ESCOLHER A SUA PROFISSÃO

Um dos grandes desafios na vida de todos é acertar na escolha da vida profissional. Esse tema causa insônia, sobretudo entre os jovens que se veem obrigados a tomar uma decisão profissional tão cedo. O desemprego e a falta de identificação com a profissão escolhida levam também adultos, muitas vezes com anos de experiência na profissão, a mudar de área e decidir se dedicar a outra carreira.

Independente da idade, a dor de cabeça é a mesma, levantar cedo e ir para as agências de emprego. Se os mais velhos arriscam seus anos de experiência em determinada área de atuação para se dedicar a outra, os mais jovens se vêem diante de uma decisão que também vai transformar sua vida por inteiro num futuro imediato. De acordo com a escolha profissional que o jovem fizer, os próximos anos de sua vida serão dedicados a intensas jornadas de estudo e trabalho dentro da área escolhida.

É indispensável, portanto, que a escolha da área profissional de um indivíduo seja feita com cautela, pois que dela depende o eixo da rotina diária no decorrer dos próximos anos. E ninguém merece perder tempo com aquilo que não traz satisfação. De nada adianta pesquisar no google “empresas em sorocaba”, e sair mandando currículo para todas as que encontrar, é claro que dependendo da necessidade não dá para ficar escolhendo.

O preço que se paga pela submissão a trabalhos que nos fazem infelizes se manifestam muitas vezes na forma de doenças do sistema nervoso, como stress e depressão. Independente da idade em que você se depare com a tarefa de escolher um ramo de atuação profissional, é importante ter em mente que nada é definitivo nem obrigatório.

A qualquer altura da vida e da carreira o indivíduo pode se dar conta de que gostaria de dedicar-se a outra atividade e esse desejo não deve ser ignorado. Não condene a aturar uma rotina de insatisfação por medo de tentar de novo. Enganos acontecem, o importante é aprender com a experiência e não deixar de procurar a profissão ideal para sua vida.

Pensando nessas questões, preparamos algumas dicas sobre como se decidir a respeito do caminho profissional que pretende seguir.

  1. Conheça a si mesmo

Uma das razões pelas quais somos obrigados a estudar determinadas disciplinas na escola e na universidade é a necessidade de estabelecer contato com diversas áreas profissionais para que possamos mensurar nosso grau de afinidade com cada uma delas. Não fosse pela obrigatoriedade dessas disciplinas, a maior parte das pessoas nunca teria desenvolvido qualquer tipo de conhecimento em relação ao conteúdo destas.

Portanto experimente as diversas áreas possíveis de atuação antes de decidir-se por uma em específico. Se você tem um grande sonho desde pequeno de atuar em determinada área, tudo bem. Mas esteja certo de saber como exatamente é atuar naquela área. Não adianta querer ser salva-vidas sem nunca ter entrado no mar.

Muitas vezes as pessoas se candidatam a todas as aparentes oportunidades que surgem sem se dar conta do que implica exercer determinada atividade. Disso resulta frustração e perda de tempo. Essa energia toda gasta com o que não é de fato uma boa opção para você poderia ser usada em atingir metas dentro de um ramo que realmente lhe traga satisfação.

Portanto antes de se candidatar a uma vaga tenha certeza de que você deseja e do porque deseja o trabalho. Caso contrário o que era para ser a solução dos seus problemas pode vir a se tornar um problema a mais para resolver no futuro.

  1. Escolha a área mais fácil

Pode parecer que esta é uma sugestão para acomodar-se, mas é justo o contrário: uma forma de garantir produtividade. Se você tem facilidade com cálculos, não tem porque ficar insistindo em ter uma banda, sendo que você é péssimo na guitarra. Facilite a sua vida. O trabalho deve ser uma forma simples para o indivíduo ganhar a vida honestamente sem que o trabalho se torne um estorvo.

Para os prazeres da vida existem as horas de folga e quanto mais você tiver facilidade para executar suas obrigações, mais tempo livre terá para se dedicar ao que mais ama. O que também é importante: com dinheiro no bolso.

Não existe problema algum em se dedicar a escrever, por exemplo, ainda que ganhando pouco, se esse é seu sonho desde a infância. Mas se você tem a opção de ganhar uma renda extra, exercendo outra atividade como, dar aulas, suponhamos. Dedique-se ao que você gosta, mas procure conhecer suas habilidades e a melhor forma de usá-las para garantir uma boa renda.

  1. Busque inspiração

Uma vez selecionada sua área de atuação, eleja uma personalidade do ramo para espelhar sua carreira. Todas as profissões têm seus heróis e você deve sempre nivelar-se por aqueles que merecem o seu respeito. Existem inúmeras histórias de trajetórias de vida inspiradoras, ache sua favorita.

  1. Eleja uma pessoa para ser seu guia

Quando sentir interesse em uma área e achar que realmente vale a pena investir tempo e energia nessa atividade, procure aproximar-se de pessoas que têm experiência na função e peça orientação. Seja humilde e demonstre que deseja aprender a fazer o que aquela pessoa aprendeu a fazer com habilidade.

Ao selecionar seu guia, lembre-se que o interesse é seu em aprender e não dê trabalho extra a toa para seu orientador. Procure respeitar os limites das pessoas e do bom senso. Não é para grudar na pessoa e observar todos os gestos dela, mas tomá-la como referência para desempenhar bem o seu trabalho.

  1. Dedique-se de corpo e alma a atividade escolhida

Ao encontrar aquilo que você realmente quer fazer, aquilo que traz prazer ou conforto para sua vida, dedique-se de corpo e alma à carreira que você escolheu. Leia, pesquise, assista a filmes, saiba tudo sobre a vida do ídolo que te inspira e atenha-se aos ensinamentos e sobretudo aos exemplos do guia que você escolheu para te ajudar a iniciar sua jornada.

Nenhuma carreira é fácil no início e esta fase sempre tende a ser difícil. Não fosse assim todos tentariam fazer o mesmo que você e acabaria não tendo graça nenhuma. Trabalhar com o que amamos, entretanto, geralmente exige alguns esforços, seja em relação a dinheiro, tempo ou disposição para outras atividades. Não obstante, os diversos benefícios de se fazer o que gosta dispensa explicações.

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *